Dicas como evitar a queima de seu equipamento pelo cabo HDMI

0 Meu aparelho queimou e o técnico disse que a culpa não foi do mordomo, mas do conector HDMI.

Por Paulo Brites.

Quem é um pouquinho “mais antigo” ainda deve se lembrar dos plugs analógicos de áudio e vídeo  S-vídeo e vídeo componente que surgiram com toda força a partir da década de 90 com a promessa de melhorar a qualidade da imagem e do som na conexão entre vídeo games e dvds” e os televisores que ainda eram os “caixotões” analógicos.

Coisa “pré-histórica” que a garotada de hoje nem sabe o que é. Só falam em conexões digitais USB e HDMI.

O conector HDMI, em particular, tornou a vida dos gamers, sem dúvida, muito mais prática. Nada de ter que saber quem é áudio e quem é vídeo, na hora de plugar no seu display ou vídeo projetor.

Uma só conexão com o HDMI e pronto, mas cuidado porque este tira e bota, às vezes, pode queimar seu equipamento, particularmente sua placa de processamento digital.

Reparou que eu disse “às vezes”? Pois é, atravessar a rua com o sinal aberto não significa que você será atropelado, mas as chances aumentam, não é mesmo? E ainda com o sinal fechado não se pode deixa de conferir se todos os veículos pararam mesmo, pois como diz Adriana Calcanhoto em sua música “cariocas não gostam de sinal fechado”!

Tá bom, e qual é a dica sobre o HDMI que eu prometi?

Uma regra que pode salvar seus equipamentos da catástrofe é

NUNCA COLOQUE O CONECTOR HDMI COM OS APARELHOS LIGADOS NA TOMADA se você quer viver feliz para sempre (ou quase) com seus “aparelhos digitais”.

Você deve estar pensando, então os fabricantes “inventaram” um conector “assassino” que pode queimar meus aparelhos?

Calma lá, não ponha palavras na minha boca, eu não disse isto.

O problema não é exatamente com o conector HDMI e sim com a ligação dos aparelhos à rede elétrica e conexão com tv a cabo.

À medida que a tecnologia avançou a questão do aterramento se tornou um quesito importante numa instalação, coisa que no Brasil ainda não é levada muito sério. Também os surtos de energia provenientes da concessionária de energia e tv a cabo se não for tratado adequadamente, podem queimar a placa digital de conexão HDMI do seu equipamento. (Sobre surto de energia em breve falaremos mais sobre assunto.)

A conexão e desconexão do conector HDMI pode (eu disse pode, não disse vai) produzir pequenos centelhamentos invisíveis aos nossos olhinhos na hora do “tira e bota” que “penetram” nos chips internos dos equipamentos, geralmente, muito frágeis para resistir   estas “torturas”.

O pior é que estes chips de entrada ou saída HDMI da placa digital estão conectados a outros circuitos e finalmente todos se comunicam com a fonte do equipamento que é o “coração” do mesmo podendo produzir uma “metástase eletrônica” com resultados imprevisíveis.

Resumo da ópera, muita calma na hora de conectar e desconectar cabos HDMI e, eu sei que é difícil, mas avise isto aos seus filhos e seja feliz para sempre com seus “brinquedinhos” digitais.

Próximo post – Tomada brasileira, aterramento, etc.

4 comentários em “Dicas como evitar a queima de seu equipamento pelo cabo HDMI

  1. César Bastos diz:

    Parabéns!!!!!
    Adorei esse POST, claro e objetivo informação importante é acessível para todos.
    Paulo Brites é 10!!!!!
    Que venham mais artigos 👍

  • LUIZ CESAR SALES FAGUNDES diz:

    Informação relevante. O Brasil com certeza, é um país que perde e muito por causa do desprezo em relação à um aterramento eficiente. Prejuízos enormes poderiam ser evitados. Parabéns pela informação.

    • Paulo Brites diz:

      Olá Luiz Muito obrigado pela participação, na verdade perdemos muito sobre varias coisas pela falta de informação quer na escolas, que passam 80% do tempo “ensinam” coisas inúteis para a vida bem como pela mídia. Vou eu aqui no trabalho de formiguinha tentando fazer o que posso. Ajude-me, divulgando o post. Abraços e volte sempre

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *